sábado, 3 de setembro de 2011

Desafio - 10 perguntas


O amigo Petrus Monte Real , do blogue " A Partir da Lua", lançou-me o desafio 10 perguntas, 10 respostas, 10 amigos, que desde logo aceitei com todo o gosto.  A leitura sempre me acompanhou ao longo da vida. Menina, muito menina ainda, juntava no mealheiro o dinheiro que os pais e familiares me ofereciam e esse pecúlio sempre teve o mesmo destino: aquisição de livros, que lia rapidamente. Contos que, nos meus sete, oito, nove anos me deixavam deliciada e me transportavam para outra dimensão. Infelizmente, a arca, em madeira de castanho, onde guardava o meu precioso tesouro, foi levada pelos larápios que, um dia, tiveram a ousadia de assaltar a casa dos meus pais. Devem ter ficado muito surpreendidos e desiludidos com o produto do roubo que eu nunca mais esqueci e, creiam,  deixou marcas que nada nem ninguém curará. O meu filho ficou privado da sua leitura e é a minha neta, agora, que não as lê , privada desse prazer inolvidável da avó. Falar de livros não é uma tarefa fácil embora nos obrigue a uma reflexão agradável e , simultaneamente, a reviver momentos que são marcos importantes da nossa vida.  Obrigada, amigo Petrus!

Aqui vão as respostas.

1 - Existe um livro que relerias várias vezes?
Não existe livro que releia várias vezes mas há autores  a que regresso com frequência e, necessariamente, releio extractos, mais ou menos longos, das obras de Eça de Queirós, Vergílio Ferreira, José Saramago, Miguel Torga.
2 - Existe algum livro que começaste a ler, paraste, recomeçaste, tentaste e tentaste e nunca conseguiste ler até ao fim? Existem livros que começo a ler e porque não me agradam ponho de parte.Ler é prazer e só continuo a leitura se for um livro muito específico e profissionalmente indispensável. Mas há outros que não quero deixar de ler porque me parecem interessantes mas têm páginas tão, tão, minuciosas sobre o tema que abordam ( talvez porque o autor quer demonstrar que está bem documentado) que ultrapasso algumas páginas para chegar à sua conclusão. Outros, ainda, não os ponho logo de parte, mantenho-os em cima da mesa à espera que algum dia chegue a motivação necessária para avançar mas acabam arrumados numa prateleira.
3 - Se escolhesses um livro para ler no resto da tua vida, qual seria?
Que grande dificuldade! Teria de pensar muito. A obra da Sophia de Melo Breyner Andresen apaixonou-me desde o primeiro dia em que iniciei a minha profissão mas Vergílio Ferreira e Miguel Torga também são companhias que não dispenso. Fazem uma trilogia perfeita.
4 - Que livro gostarias de ter lido mas que, por algum motivo, nunca leste? Ando há algum tempo  com vontade de ler a autobiografia de Gabriel Garcia Marquez ( inacabada) " Viver para Contá-la" mas há muitos mais.
5 - Que livro leste cuja «cena final» jamais conseguiste esquecer? 
 Não tenho ideia de algum, em especial.
6 - Tinhas o hábito de ler quando eras criança? Se lias, qual o tipo de leitura? Sim.  Conforme disse na introdução deste desafio, leio desde que aprendi além de haver o hábito da leitura em voz alta, aos serões, com os pais. Havia a Biblioteca da Fundação Gulbenkian, inicialmente itinerante mas, mais tarde, a funcionar numa das salas da Câmara Municipal que tinha uma vasta colecção de livros, muito interessantes, e a Biblioteca do Liceu de Faro que frequentei durante sete anos também me permitia a requisição de livros. No entanto, pela minha vinda fora, já um pouco longa, fui comprando livros. Há uns anos, tenho aqui perto, 40Km, a Fnac da Guia onde faço as minhas aquisições e a Bertrand em Faro.
7 - Qual o livro que achaste chato, mas ainda assim leste até ao fim? Porquê? A leitura é sempre feito por puro prazer e um livro chato é logo abandonado nos primeiros capítulos.
8 - Indica alguns dos teus livros preferidos. O Hóspede de Job, José Cardoso Pires;  O Memorial do Convento de José Saramago; Até ao Fim de Vergílio Ferreira,Os Maias de Eça de Queirós...
9 – Que livros estás a ler?
História da Vida Privada em Portugal , Idade Moderna direcção de José Mattoso e a seguir, do mesmo autor, irei ler a História da Vida Privada em Portugal na Idade Contemporânea. Mas outros livros estão na calha. Gosto muito de Aquilino Ribeiro, Gabriel Gargia Marquez, Mia Couto, Luís Sepúlveda, Luís Borges...entre muitos, muitos outros.
Também gosto muito de poesia e intercalo estas obras com a leitura de poemas de Miguel Torga, António Gedeão, Natália Correia, Florbela Espanca, Sophia de Mello Breyner...
 10 - Indica 10 amigos para responderem a este inquérito.
 Luís Milheiro do Blogue Carroça de Livros; Aflores, do Ailaife Blogue; Lilás, Perfume de Jacarandá; Fragmentos Culturais, O Guizo e o Gato; Isa, Momentos Meus; Escrito a Quente; Lagartinha Dot.Com;   Esperança Afonso, Soma de Letras;AC, Interioridades.


Peço desculpa pela ousadia mas só respondem se assim o entenderem. Amigos como sempre!
Gaivotinha do blogue Mareterra só não foste nomeada porque estás em convalescença. Como sabes, estás sempre no meu coração e na minha mente.

22 comentários:

gaivota disse...

obrigada pela referência, minha querida, na realidade não estou "cabeçalmente" bem para responder ao desafio... que é muito interessante, digo-o desde já!
a concentração que poderia exigir para uma autêntica resposta ainda está longe...
beijinhossssss milesssssss e BOM VERÃO! - parece que chegou...

Filoxera disse...

Querida Isamar:
Responderei, sem promessa de prazo :-)
Quanto à biografia inacabada do Garcia Marquez, gostei muito. Li quase todos os seus livros, pelo que fiquei interessada na biografia. E li-a com o mesmo gosto.
Beijos, bom fim-de-semana.

aflores disse...

Querida amiga, terei imenso gosto em responder ao desafio, mas só quando chegar de férias. Combinado?
Até lá, beijinhos e tudo de bom.

lagartinha disse...

É claro que respondo com todo o gosto, só não sei como e onde fazer...aqui, ou copio as perguntas para a minha página? Sinto-me tão burra uktimamente...estou a passar de verde para amarelo rapidamente!

Andradarte disse...

Gostei de tomar conhecimento das suas respostas...Aí está um inquérito, a que era impossível responder...Sou
autodidata em tudo...??
Beijo

Lilá(s) disse...

Obrigada pela referência, responderei com prazer não prometo é quando...o inicio de ano letivo limita-me a motivação e não só...
Obrigada
Beijinhos

elvira carvalho disse...

Estes desafias servem para nos conhecermos melhor, se é que somos sinceros quando respondemos ou nos lembramos do que cada um disse quando lemos. Quer isto dizer que eu não gosto muito de embarcar em coisas destas, gosto mais daquele tipo de desafio em que se dão meia dúzia de palavras e temos que inventar uma história à volta delas, mas como também fui nomeada pelo mesmo amigo prometi que respondia quando acabar a história da Isabel.
Um abraço e bom fim de semana

Luis Eme disse...

vou responder na "Carroça".

beijinho Isamar

Fernanda disse...

Bom dia amiga!

Fiquei a conhecer melhor a pessoa que está por traz das letras neste Blog.
Há dois livros que já li duas vezes, o Principesinho até li mais, mesmo ao meu filho como me fez o meu pai a mim!

Beijinhos

Isamar disse...

Fernanda

Quanto ao "Principezinho" já li várias vezes, aos meus alunos e com os meus alunos, por dever profissional. De resto, volto a ele, muitas vezes, para ler extractos.
O mesmo aconteceu com outras obras de Sophia de Mello Breyner Andresen.
Bem-hajas, amiga!

Beijinhos

AC disse...

Fico sensibilizado por ter sido lembrado para o desafio, um dia destes vou mesmo tentar corresponder.
Obrigado.

Beijo :)

pinguim disse...

A tua trilogia preferida (Sophia, Ferreira e Torga) é perfeita.

BRANCAMAR disse...

Olá Isabel,

Gostei de te ler neste inquérito, de saber as tuas preferências. Nada me surpreendeu porque já há muito que te acompanho e não tinha grandes dúvidas quanto aos teus gostos e hábitos de leitura.

Eu não tenho tido muito tempo no último ano para ler o que me tem desgostado, pois adoro, é como que a respiração do espírito, sem a qual me sinto sufocar, mas começo agora a conseguir concentrar-me mais um pouco e a voltar a adquirir esse gostoso hábito.

Deixo-te o beijinho de sempre.
Branca

Zé Povinho disse...

Boas respostas que estão de acordo com o que vamos conhecendo.
Abraço do Zé

Nair Morbeck Sobrinha disse...

É um belo blog..parabéns.seguindo..

Shalom

http://nairmorbeck.blogspot.com/

Fragmentos Culturais disse...

Querida 'Isamar',

Mais do que tudo, deixas-me muito sensibilizada com a tua 'escolha'.

Agora gostaria de te expor o seguinte:

Suponho que há um aspecto que desconheces do meu espaço e que gostaria de apelar para a tua compreensão!

Quando criei 'Fragmentos Culturais', propus-me princípios fundamentais que tenho cumprido rigorosamente: abster-me de publicar e/ou comentar política e não entrar em círculos de passagem de correntes (prémios e afins).

Farei sim a publicitação em nota de roda pé [num próximo log] com uma dedicatória personalizada!

Por favor, compreende-me! Não vejas nisto uma desconsideração! Penalizar-me-ias profundamente :(

Faz parte da minha 'normalidade'... ser igual a mim própria!

Um beijo bem amistoso!
( e o desejo que continues minha 'leitora' muito especial.)

Isamar disse...

Fragmentos Culturais
Compreendo-te perfeitamente e só vejo, nessa atitude, coerência da tua parte. Não há qualquer melindre da minha parte e refiro isso no fim do post. Também não entro em desafios/correntes e só alinhei neste por me parecer ter um cariz diferente.
Um beijinho

Bem-hajas!

lagartinha disse...

Gostava que os srs.governantes aceitassem também este desafio...muita coisa seria explicada!
Beijocas grandes

Idanhense sonhadora disse...

Era uma boa ideia "Lagartinha " , ficavamos a saber em que águas navegavam ...Isto , admitindo que respondiam falando verdade.
Isa , tenho uns esclarecimentos sobre o dito do Chanesco ,que gostava que lê-se .Claro ,estão no blogue dele .
Beijinhos e bem haja
Quina

Idanhense sonhadora disse...

Claro ,Isa que onde escrevi "lê-se " queria escrever "LESSE ".Ai ,esta cabeça no ar ...que estava a assassinar o português!!
Beijinho
Quina

isa disse...

Achei o desfio mt interessante e,se estivesse melhor e menos cansada,de
certeza o abraçaria.
Sei que compreenderás.
Beijo.
isa.

Petrus Monte Real disse...

Amiga Isamar,

Muito sensibilzado pelo conjunto das respostas que traduzem a riqueza duma vida, sempre dominada pelo prazer da leitura (aqui está uma coisa que ninguém lhe pode tirar, nem mesmo o reles larápio da caixa do tesouro!).
Gosto dos escritores que citou, designadamente do Mia Couto: um belo autor que também tem o dom da palavra e é um bom contador de histórias "ao vivo".
Fico muito contente por ter contribuído para o reviver de momentos marcantes da vida.
Eu também tive essa bela sensação. Penso que o espírito deste questionário é diferente das "correntes" e "atribuição de selos" que grassam por aí e não me seduzem. Ele "encaixa" bem
na ideia que preside à manutenção do presente blog.

A propósito, acabo de fazer um comentário à postagem do onze de setembro, de que gostei muito.

Beijos e boa semana